GeralÚLTIMAS

Cineasta vencedor do Emmy inicia expedição ambiciosa pelo Ártico

Tripulação inclui uma equipe jovem e entusiasta, composta por cientistas, cinegrafistas e uma médica expedicionária

O diretor da Tv Zoom, Salvador Canto Netto, realizou uma entrevista exclusiva com Sylvestre Campe, um cineasta duas vezes vencedor do Emmy Award e explorador incansável. Sylvestre, que passou as últimas três décadas documentando aventuras em mais de 120 países, embarca agora em uma nova expedição ousada: a Ocean Science Expedition.

Sylvestre e sua equipe partiram de Bergen, na Noruega, em 10 de junho, com o objetivo de cruzar o Atlântico Norte, Groenlândia, e a Passagem do Noroeste até chegar a Nome, no Estreito de Bering. Enfrentando condições extremas, desde tempestades até o frio intenso do Ártico, a equipe navegará a bordo do veleiro Abel Tasman, de 23 metros, com uma tripulação composta por nove pessoas, incluindo a filha de Sylvestre, Cléo Campe.

Entrevista Exclusiva com Sylvestre Campe

Salvador Canto Netto iniciou a entrevista destacando a longa amizade com Sylvestre e a afinidade compartilhada, lembrando do cineasta que já esteve no clube da Cozinha. Salvador mencionou a ousada ideia de Sylvestre de atravessar do Oceano Atlântico para o Oceano Pacífico pelos caminhos mais perigosos.

Sylvestre, falando diretamente da Islândia, explicou que a expedição pretende navegar do Atlântico até o Pacífico, passando pelo Ártico. Ele ressaltou que essa é uma das expedições mais desafiadoras que já enfrentou, com três meses previstos no Ártico, onde o tempo e o gelo determinarão a duração da jornada.

QUER SABER MAIS NOTÍCIAS DE NOVA FRIBURGO? CLIQUE AQUI E PARTICIPE DO NOSSO GRUPO DE WHATSAPP

A expedição partiu da Noruega há 15 dias, chegando à Islândia uma semana antes da entrevista, onde aguardavam uma tempestade passar. Sylvestre compartilhou que enfrentarão aproximadamente 12 dias em alto mar para passar pela ponta sul da Groenlândia, um dos cabos mais temidos pelos navegadores do hemisfério norte.

Em um momento de descontração, Salvador perguntou a Sylvestre sobre o medo que essa expedição desperta. Sylvestre confessou que, embora sinta medo, a emoção e o desafio superam o receio, imaginando o calor aconchegante de Nova Friburgo em contraste com o frio intenso do Ártico, onde a sensação térmica pode chegar a -20 graus.

A tripulação do Abel Tasman inclui uma equipe jovem e entusiasta, composta por cientistas, cinegrafistas e uma médica expedicionária. Sylvestre destacou a participação de sua filha, Cléo, que não só ajudará na produção, mas também compartilhará as responsabilidades na navegação.

Sylvestre encerrou a entrevista expressando o desejo de voltar em segurança e desfrutar de uma boa costela preparada por Salvador, prometendo um reencontro em setembro.

Para acompanhar essa emocionante jornada e outras histórias, siga a Tv Zoom nas redes sociais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *