Decreto define novas medidas para funcionamento das atividades em Nova Friburgo

No último sábado, 24, a Prefeitura de Nova Friburgo, por meio do Diário Oficial do Município, lançou o Decreto 972, que estabelece as novas regras para funcionamento dos diversos setores municipais. Esse texto substitui o sistema de bandeiras, emitidos semanalmente, e o rodízio de CNPJ e já está em vigor.

As novas regras surgiram depois de uma reunião do Comitê Operativo de Emergência (COE), que ocorreu na última quinta-feira, 22. Segundo informações do governo municipal, o encontro durou várias horas e teve a participação de representantes da Secretaria de Saúde e outros setores da Prefeitura, Frentes Empresariais, Defensoria Pública e representantes dos vereadores, que apresentaram diversas sugestões.  Algumas medidas foram mantidas para este decreto, como o uso obrigatório de máscaras e o toque de recolher, que continua das 22h às 5h da manhã.

O que pode funcionar?

A partir de agora, o comércio fica autorizado a funcionar das 9h da manhã às 21h da noite, com um cliente por funcionário. As indústrias podem manter suas atividades com 30% da capacidade de produção. Restaurantes e lanchonetes funcionam das 7h às 21h, com 20% da capacidade e apenas com clientes sentados. Bares, lojas de conveniência e congêneres também podem funcionar das 7h às 21h, porém, apenas com delivery. Instituições religiosas podem abrir com 20% da capacidade, sendo a mesma regra para academias e cursos livres.

O que não pode funcionar?

As visitações turístico/culturais, cinemas, casas de festa e salões sociais e eventos com aglomeração de público estão terminantemente proibidas, como embasa o Decreto Municipal 972

O que dizem os comerciantes

Após duas semanas com o rodízio de CNPJ, os comerciantes veem as novas regras como um respiro e a apoiam. Além disso, alguns acreditam que desta forma, as aglomerações, em supermercados principalmente, vão ser contidas, porque haverá uma maior opção para o friburguense ir às compras.

Por Luiz Marcelo Iezzi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *