Dia Mundial do Diabetes: data promove conscientização sobre a doença

Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), cerca de 13 milhões de pessoas, no Brasil, convivem com a doença, nos dias atuais. Esse é um dos motivos que levaram o Dia Mundial do Diabetes a ser lembrado anualmente em 14 de novembro.

A data faz menção ao nascimento do cientista canadense Frederick Bantin que, em parceria com Charles Best, foi responsável pela descoberta da insulina, em outubro de 1921.

A má absorção da insulina faz com que o organismo sofra com a regularização da glicose no sangue, garantindo, assim, menos energia ao portador de diabetes. Pensando nisso, uma lei municipal foi criada para amparar esses casos.

A norma é de autoria do vereador Johnny Maycon e determina que os estabelecimentos de serviços de saúde, privados ou públicos, são obrigados a darem suporte aos diabéticos, em relação ao agendamento de horários de exames que necessitam ser realizados em jejum total ou parcial.

Alguns dos sintomas do diabetes são: fome e sede agudas, vontade frequente de urinar, visão turva, muito cansaço e perda de peso. Quando esses atributos aparecem juntos é necessário estar atento.

O diabetes pode se apresentar em diversas formas e em qualquer fase da vida. A doença descompensada pode trazer complicações, por isso é aconselhável o controle glicêmico diário. Assim, a campanha busca aumentar a conscientização a respeito do problema, falando dos cuidados com a saúde e da importância da prevenção.

Segundo o Diretor da Associação dos Doentes Crônicos do Brasil (ADCBRA), Ronaldo Pereira, é importante “ter sempre um acompanhamento de um profissional. O diabético é sempre bom que ele esteja acompanhado de um endócrino. (…) A questão de alimentação, pois o nutricionista é importante estar acompanhando”.

Alice Wandrofski

Alice faz parte da equipe de jornalismo da TV Zoom. Escreve sobre os mais variados temas para o site tvzoom.com.br.

Deixe uma resposta