Em decisão polêmica, Edson Barboza perde para Paul Felder no UFC

Em uma decisão para lá de polêmica, Edson Barboza Jr. perdeu para o americano Paul Felder na decisão dos juízes. O combate do UFC 242, que aconteceu no último sábado, 7, foi muito disputado e surpreendeu os fãs do esporte com o resultado.

A decisão dos três árbitros laterais foi definida pela seguinte pontuação: 27-30 para Edson, 29-28 para Felder e 30-27 novamente a Felder, o que deu a vitória para o americano. Antes de anunciar o vencedor da última pontuação Edson já estava com o braço erguido, confiante na vitória, mas o locutor Bruce Buffer, anunciou Felder como o vencedor. Grande parte do público que assistia o evento em Abu Dhabi não concordou com o resultado e vaiaram quando o braço de Felder foi erguido. Edson, por sua vez, demonstrou toda sua insatisfação deixando o octógono imediatamente.

Após a vitória, em entrevista ao UFC, Felder elogiou o friburguense, com quem já havia lutado em 2015 e perdido por decisão unânime dos juízes.

“O Edson é um dos caras mais durões dessa divisão. Aplausos para o Júnior Edson Barboza! Esse cara é um guerreiro. A vitória poderia ter sido de uma parte ou de outra. Da primeira vez foi acirrado. Esse cara e eu compartilhamos o octógono, nós treinamos juntos, lutamos duas vezes dentro do octógono.” – disse o americano ainda emocionado.

Sobre a luta

No primeiro round o friburguense conseguiu aplicar bons chutes nas pernas e na linha de cintura do americano. Felder tentou encurtar a distância e levar a luta para a grade, mas Edson se livrou e conseguiu acertar novamente o adversário. O combate chegou a ser interrompido para que um corte acidental na cabeça de Felder pudesse ser avaliado pelo médico, e ao ser liberado o americano foi novamente bem golpeado por Edson.

Na volta ao segundo round, Edson ainda mantinha a postura dominante da luta. O atleta derrubou o americano e ficou por cima no chão. Felder aproveitou a oportunidade para uma chave de braço, mas o friburguense se defendeu. De pé, Juninho conseguiu acertar novos golpes e se defendia bem, das tentativas duras do americano.

Para o último round, Barboza já entrou mais cansado, mas não deixou de tentar acertar Felder. Porém, o americano se sobressaiu. “The Irish Dragon”, como é conhecido, foi mais agressivo e buscou mais a luta na etapa final, conseguindo aplicar bons golpes em Edson. Nos segundos finais, Juninho conseguiu travar a luta na grade e pouco antes do juiz encerrar a disputada, conseguiu derrubar Felder.

Imagem: UFC Brasil

Bianca Chaboudet

Bianca faz parte da equipe de jornalismo da TV Zoom. Escreve sobre os mais variados temas para o site tvzoom.com.br.

Deixe uma resposta