Escolas estaduais serão reabertas para fornecer alimentação aos alunos

O governo do estado do Rio de Janeiro determinou a abertura das unidades escolares para fornecer a merenda dos alunos durante o período de pandemia por conta da Covid-19. A medida foi publicada no Diário Oficial de ontem, 04, e está de acordo com uma determinação judicial da Primeira Vara da Infância e Juventude.

De acordo com a Secretaria de Estado de Educação, os diretores das escolas terão autonomia para consultar os pais e responsáveis das comunidades escolares e, assim, realizarem um levantamento dos interessados em receber a alimentação, para que seja feita a distribuição.

A secretaria reiterou que todos as medidas sanitárias devem ser atendidas e que o retorno às aulas presenciais só acontecerá quando a Secretaria de Saúde decretar o fim do isolamento social, por conta da pandemia do novo coronavírus e a possibilidade de volta às aulas.

O Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (SEPE) se posicionou contrário a decisão, tendo em vista a possibilidade de aumento do contágio pelo novo coronavírus com a circulação de pessoas e a abertura das escolas.

Segundo o sindicato, a melhor opção é a distribuição de cestas com alimentos ou do cartão-alimentação. O SEPE também informou que vai pedir assistência em uma ação civil pública da defensoria para “garantir a vida dos profissionais de educação e de todos os membros da comunidade escolar com a não reabertura das escolas neste momento de pandemia”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *