Estado lança plano de contingência para as chuvas de verão

O governo do estado, através de seus canais oficiais, lançou, juntamente com a Defesa Civil, o novo plano de contingência para as chuvas de verão 2020/2021, com validade de um ano. A região sudeste, mais precisamente o estado do Rio de Janeiro sofre com o grande volume de chuva no verão, que atinge, principalmente, as regiões metropolitana e serrana fluminense.

Pensando no verão mais chuvoso, devido a La Niña em estágio moderado, o governo estadual lançou um plano que visa desde os registros mais leves até os mais graves. O projeto foi formulado com base nos índices pluviométricos e de risco das 92 cidades que compõem o estado do Rio. Neste plano, além de medidas vigentes, foi orientado aos municípios o que deve ser feito, levando em consideração a variante de risco de cada cidade e o estágio de emergência, que posteriormente, possa se encontrar devido às chuvas.

No plano, estão previstas medidas de segurança, especialmente para moradores de áreas de risco, como por exemplo:

  • Hotsite
    Facilitará a comunicação da população com os órgãos, como a Defesa Civil. Além de disponibilizar informações meteorológicas atualizadas e ações do governo, indica possíveis ameaças de deslizamento, inundações, aponta áreas suscetíveis a sofrer com alagamentos e/ou deslizamento, entre outras informações. E, pode ser acessada através do site: www.contingenciaverao.proderj.rj.gov.br/.
  • Alerta pelo celular
    Neste instrumento, já conhecido pela população, basta você enviar um SMS para o número 40199 informando seu CEP, fazendo com que, você se previna, tendo um aviso antecipado da chegada das chuvas. Agora, o canal foi expandido e é possível receber os avisos por WhatsApp e Telegram e o cadastramento é gratuito e pode ser realizado da seguinte forma:

WhatsApp: Basta enviar mensagem para (21) 98596-9152 e seguir as instruções.

Telegram: A adesão é feita por meio do link: t.me/monitoramentocemadenrj.

  • Rede Salvar
    Nesta medida, cidadãos podem se inscrever para auxiliar os serviços da Defesa Civil. A Rede Salvar é composta, atualmente, por mais de 20 instituições e cerca de 3 mil cidadãos aptos para atuar em caso de emergência. Para se cadastrar, o voluntário deverá preencher o formulário de adesão ao serviço no site: www.redesalvar.defesacivil.rj.gov.br. Lembrando que o Estado do Rio conta com o maior voluntariado do país para a Defesa Civil.
  • Mapa de suscetibilidades
    Através de estudos, a Defesa Civil indicou áreas em todo o estado com risco de deslizamentos, com base em dados dos últimos 20 anos. O estudo permite identificar possíveis ameaças e cenários críticos para cada mês do ano, de acordo com o tempo de registro das ocorrências, para assim, fundamentar a tomada de decisões técnicas. Tornando possível e mais exata, as ações de prevenção em todo o estado.

Por Luiz Marcelo Iezzi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *