Governo Johnny Maycon detecta irregularidades na folha de pagamento de servidores

Na tarde de hoje, 07, a Prefeitura de Nova Friburgo, através de seu portal oficial, informou que foram detectadas irregularidades na folha de pagamento de servidores municipais. Segundo o secretário de Governo e Casa Civil, Pierre da Silva Moraes, foram pagos ilegalmente R$200 milhões nos últimos 10 anos, correspondendo aos governos de Demerval Barbosa Moreira Neto, Sergio Xavier, Rogério Cabral e Renato Bravo.

O secretário, em seu levantamento, apontou que somente no último governo, o valor fica em torno de R$ 90 milhões. Os dados apontam que R$ 26 milhões foram pagos somente no ano de 2019. Segundo Pierre, foram detectadas na folha de pagamento práticas ilegais como operações financeiras fora dos padrões normativos, enquadrando agiotagem, por intermédio da Associação dos Servidores Municipais de Nova Friburgo, além da existência de inúmeras verbas sem previsão legal, entre outras irregularidades.

“Precisamos tirar essas verbas irregulares e ilegais da folha e recompor de maneira lícita para que possamos ajustar corretamente os pagamentos dos servidores, promovendo medidas administrativas e legislativas como se fosse um transplante. Já queremos cumprir com esse compromisso neste primeiro mês de governo. O objetivo é, ao longo da gestão, acertar o salário de quem ganha menos do que o mínimo, progressivamente atuar para pagar o piso salarial das categorias, de maneira justa e, principalmente, dentro da lei, observando as disponibilidades orçamentárias e financeiras” – explicou o secretário.

O atual governo ainda frisa que será solicitada uma proposta de criar um Comitê Intersecretarial de Gestão, que terá por objetivo integrar órgãos da administração do município para, em auxílio ao prefeito, instituir um novo modelo de governo, baseado em normativa federal, que prevê a implantação de programa de integridade e uma forma de gestão pública mais moderna.

O prefeito Johnny Maycon comentou brevemente como o novo governo encontrou a prefeitura e exige cobrança por parte dos vereadores.

“Existem inúmeras dívidas, mas isso não é justificativa. Fui eleito para resolver os problemas da cidade e vocês têm que cobrar mesmo porque é a função de vereador”.

Johnny Maycon ainda destacou que 2021 será um ano atípico devido à pandemia e, que possa ser mais complicado financeiramente do que em 2011, quando ocorreu a tragédia. Com isso, o prefeito e o secretário de Governo e Casa Civil, Pierre, explicaram aos vereadores que irão mandar à Câmara, nos próximos dias, em regime de urgência, seis Projetos de Lei, sendo uma emenda, que têm por objetivo fazer ajuste na legislação municipal.

O governo municipal também vai enviar um Projeto de Lei, proposto pela nova gestão do órgão fazendário, que irá proporcionar um recebimento da redistribuição de recursos referentes ao ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza) em benefício de Nova Friburgo.

Imagem: (Reprodução/PMNF)

Por Luiz Marcelo Iezzi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *