Nova Friburgo confirma dois casos de Sarampo em 2020

A Subsecretaria de Vigilância em Saúde de Nova Friburgo informou nesta quinta-feira, 23, que dois casos de sarampo foram confirmados no município neste ano. A doença que há anos não era registrada no país, desde 2019 voltou a atingir pessoas das mais diversas faixas etárias.

Além dos casos confirmados, há outros 10 pacientes com suspeita da doença, que aguardam os resultados laboratoriais e investigações epidemiológicas para que haja a confirmação positiva ou não do diagnóstico de sarampo.

De acordo com a subsecretária de vigilância em saúde, Fabíola Braz, os sintomas do sarampo são semelhantes aos de uma gripe ou resfriado, por isso, muitas vezes a doença demora a ser confirmada, já que as manchas vermelhas, características da infecção viral, não se manifestam logo no início.

“Ela se manifesta inicialmente como um resfriado, uma gripe. Começa a chamar atenção porque ela aparece com uma febre muita alta, seguida de coriza, conjuntivite, que começa a irritar os olhos e depois aparece as manchinhas vermelhas pela pele, começando pelo rosto, espalhando pelo tórax, pelas costas e aí vai pelo corpo todo.” – Fabíola Braz.

Vacinação

A vacinação contra o sarampo é a principal forma de prevenção, e em todo o estado do Rio de Janeiro a campanha de imunização estará sendo realizada até o dia 13 de março. O público alvo desta ação são crianças de seis meses a 59 anos de idade.

Confira os postos que estão vacinando no município:

  • Sylvio Henrique Braune (Suspiro): Segunda à Sexta-feira, das 08h às 16h
  • Tuney Kassuga (Olaria) – Segunda à Sexta-feira, das 08h às 16h
  • Unidade Básica José Copertino (São Geraldo) – Terças e Quintas, das 08h às 16h.

Para a imunização é obrigatória a apresentação do Cartão do SUS e a Caderneta de Vacinação. Os adultos que não possuem a caderneta e não sabem se tomaram ou não as doses da vacina, devem procurar uma unidade de saúde.

Deixe uma resposta