Pix Saque e Pix Troco: novas ferramentas do sistema são lançadas no Brasil

O Banco Central do Brasil anunciou nesta semana algumas funcionalidades do sistema Pix de pagamento. As novidades prometem beneficiar, principalmente os comerciantes. Segundo informações do governo federal, agora, temos duas novas modalidades: o Pix saque e o Pix troco.

A partir de agora, as novas funcionalidades permitem saque de dinheiro em espécie em estabelecimentos comerciais em que o cliente já faz compras como lojas, padarias e supermercados, por exemplo. O Banco Central informou que as novas ferramentas serão disponibilizadas gradualmente na rede varejista. O sistema Pix fez um ano recentemente e já movimentou bilhões no brasil, além de facilitar pagamentos.

Como vai funcionar?

Pix Troco: O cliente faz a compra efetua o pagamento com Pix, mas num valor superior ao das mercadorias ou serviços. O estabelecimento devolve em dinheiro o valor excedido.

Pix Saque: O cliente fará um Pix para o estabelecimento normalmente a partir da leitura de um QR Code mostrado ao cliente ou a partir do aplicativo do prestador do serviço. Nesse caso, a loja vai repassar o valor integral do Pix em dinheiro para o cliente.

Limites para transação

Os valores são limitados a R$500 durante o dia e de R$ 100 à noite, entre 20h e 6h. No entanto, os estabelecimentos terão autonomia para ofertarem limites menores.

Por Luiz Marcelo Iezzi

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.