Por 12 votos a 8, Câmara arquiva processo de impeachment contra Johnny Maycon

Acabou agora à pouco a sessão que decidiu pela não abertura do processo de impeachment contra o prefeito Johnny Maycon (Republicanos). Por 12 votos a 8, foi decidido que as denúncias de ações do chefe do executivo são não suficientes para comprovar os crimes alegados e impedi-lo de comandar a prefeitura de Nova Friburgo

Chamados nominalmente e por ordem alfabética, os parlamentares friburguenses votaram da seguinte forma sobre a abertura do processo:

A favor: 

  • Ângelo gaguinho (DC)
  • Carlinhos do Kiko (PROS)
  • Christiano Huguenin (MDB)
  • Jânio de Carvalho (DC)
  • Joelson do Pote (PDT) 
  • Repórter Maicon Queiroz (PSC)
  • Priscilla Pitta (Cidadania)
  • Vanderléia Abrace essa Ideia (PP)

Contra:

  • Cascão do Povo (Patriota)
  • Claudio Leandro (PL)
  • Dirceu Tardem (PSB)
  • Isaque Demani (PP)
  • José Carlos Schuvalwb (PRTB)
  • José Roberto Pacheco Folly (PSC)
  • Maiara Felício (PT)
  • Marcinho (Republicanos)
  • Max Bill (Avante)
  • Professor André (PL)
  • Wallace Piran (PSDB)
  • Zezinho do Caminhão (PSB)

Com este resultado, o pedido de impedimento contra Johnny Maycon é arquivado e o prefeito segue normalmente como chefe do executivo municipal.

Por Juan Victor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *