Prefeitura confirma empresa para realizar a reforma do Centro de Arte

Foi realizada na manhã de hoje, 13, o processo licitatório para a reforma do Centro de Arte de Nova Friburgo, parado desde a tragédia de 2011. O governo municipal informou que uma empresa sediada na baixada fluminense foi habilitada para o serviço, mas que não há previsão de início.

Segundo informações da Prefeitura de Nova Friburgo, a reunião durou cerca de uma hora e deu à empresa SP Serviços e Locação LTDA, de Magé, o compromisso de reformar o Centro de Arte com base em um projeto de 2019, que prevê 43 poltronas e 4 espaços exclusivos dedicados à deficientes, totalizando 47 assentos no teatro.

Contudo, neste ano, a Fundação Dom João VI, onde localiza-se o Centro de Arte, comentou sobre um novo projeto com mais lugares na presença da Secretária de Estado de Cultura, podendo disponibilizar de 75 a 80 poltronas, mas o governo não pôs este projeto para o pregão.

O governo municipal ainda disse à nossa equipe que, em relação ao início das obras e o valor pago para o serviço, será divulgado um parecer técnico para verificação de viabilidade das planilhas de custo. Feito isso, o resultado da tomada de preço será publicada no site oficial da prefeitura.

Quanto ao movimento #VoltaCentroDeArte, em nota, fomos informados que a classe artística friburguense não vai concordar com esse processo licitatório, que prevê apenas as 47 poltronas no Teatro Bebete Castillo. Ainda segundo membros do movimento: “Vamos utilizar de todos os meios legais para impedir. Mas vamos aguardar o resultado da eleição municipal.” – afirma um dos representantes.

A TV Zoom continua acompanhando qualquer novidade sobre o processo do Centro de Arte friburguense.

Imagem/Acervo: Regina Lo Bianco

Por Luiz Marcelo Iezzi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *