CidadeDESTAQUE

Projeto que garante à gestante escolher pelo parto normal ou cesariana é aprovado na Câmara

Texto ainda prevê opção por anestesia e instalação de avisos nas unidades de saúde, e agora segue para sanção do prefeito Johnny Maycon

A Câmara Municipal de Nova Friburgo aprovou por unanimidade nesta terça-feira, 09, o Projeto de Lei que dá às gestantes o direito de escolher pelo tipo de parto a partir da 39ª semana de gestação. O projeto de autoria do vereador Maicon Queiroz (PSC) também permite à mulher optar ou não pela analgesia utilizada durante o procedimento.

A lei ainda prevê que as maternidades e hospitais que realizam partos instalem placas com o seguinte aviso: “Constitui direito da parturiente escolher cesariana, a partir da trigésima nona semana de gestação”.

Em caso de risco ou para mãe ou para o bebê, o entendimento do profissional médico prevalecerá, conforme emenda do Vereador Isaque Demani – integrante da Comissão de Constituição e Justiça da Casa Legislativa.

Na última quinta-feira, 04, a Vereadora Priscilla Pitta (Cidadania),que também integra a CCJ, pediu vistas para analisar mais detalhadamente o projeto. Passados cinco dias, ele voltou à votação após ter recebido parecer favorável do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (CREMERJ).

Agora, a lei segue para sanção do Prefeito Johnny Maycon (Republicanos) para entrar em vigor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *