Tânia Trilha deixa a Secretaria Municipal de Saúde

O anúncio foi feito na noite desta terça-feira, 11, pela prefeitura. Tânia Trilha deixa o cargo de secretária municipal de saúde.

Segundo informações, o prefeito Renato Bravo se reuniu com a advogada ainda na tarde de hoje. No encontro, ficou acertado que, a partir de agora, Tânia deixará o cargo. O nome do novo gestor não foi divulgado.

Ela deixa a gestão da pasta após o vazamento de um áudio com declarações polêmicas sobre um caso de um paciente no Hospital Municipal Raul Sertã. O arquivo foi destinado ao ex-diretor da unidade, Dr. Arthur Mattar. Arthur pediu exoneração do cargo no dia 8 de maio deste ano por não compactuar com a gestão “onde valores judiciais são mais importantes que valores humanos”.

Pelas redes sociais, Tânia publicou uma resposta ao áudio. No informe, a então secretária de saúde diz que em janeiro de 2019 recebeu um mandado judicial para internação de um paciente no CTI e informou ao grupo de mensagens privado que participavam ela, o Dr. Arthur, a diretora geral e a subsecretária da pasta.

No texto, Tânia diz ainda que “o paciente, segundo o diretor médico, tinha a saúde completamente debilitada, necessitando fazer a cirurgia e o mandado determinava a internação. Nosso hospital não tinha leito de CTI vago. Autorizei de pronto a internação dele em um hospital privado da municipalidade, arcando a administração pública”.

A advogada finaliza enfatizando que divulgar um áudio, privado, de forma descontextualizada, é um ato criminoso e, no mínimo, antiético. “Sendo certo que as medidas judiciais cabíveis serão tomadas”.

Tânia Trilha estava a frente da Secretaria de Saúde desde 4 de setembro de 2018. Antes disso, ela ocupava o cargo de subsecretária da mesma pasta.

Deixe uma resposta