Universidade Federal Fluminense recruta voluntários com diabetes para pesquisa

Desde a última semana, o polo da Universidade Federal Fluminense (UFF) em Nova Friburgo tem recrutado voluntários com diabetes tipo 2, para uma pesquisa sobre problemas na gengiva. O Instituto de Saúde de Nova Friburgo (ISNF) iniciou o projeto na última terça-feira, 05, e receberá os interessados amanhã, 12, e nos próximos dias 19 e 26.

O horário de atendimento será das 14h às 16h. Uma triagem será realizada por um periodontista, profissional especializado em problemas gengivais. Com isso, apenas os pacientes que atenderem aos requisitos técnicos da pesquisa poderão iniciar o tratamento gratuito.

De acordo com a professora responsável pela pesquisa, Gabriela Camargo, serão selecionadas pessoas que não possuam outros problemas de saúde além do diabetes tipo 2. Segundo a pesquisadora, “o diabetes mellitus é um grande fator de risco para a periodontite, que é a inflamação na gengiva. Este problema ocorre porque o diabetes aumenta cerca de três vezes a possibilidade de o paciente desenvolver a periodontite e a inflamação crônica dos tecidos gengivais afeta negativamente o controle glicêmico do indivíduo”.

Foto: Divulgação UFF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *