Wilson Witzel afirma que Fundação Estadual de Saúde será responsável pela conclusão das obras do Hospitais de Campanha

Na tarde desta quarta-feira, 03, o Governador Wilson Witzel divulgou um vídeo em suas redes sociais esclarecendo o rompimento do contrato com o Iabas, até então, organização responsável pela construção e administração dos Hospitais de Campanha no estado. A nova encarregada de assumir o gerenciamento dos hospitais de campanha em todo o estado do Rio de Janeiro é a Fundação Estadual de Saúde.

Segundo Witzel, a intervenção veio após a informação de que os 500 aparelhos que a organização social estava comprando não eram respiradores, equipamento fundamental para o tratamento de casos graves da COVID-19. De acordo com ele, a Iabas havia providenciado carrinhos de anestesia, que não são úteis nesses casos emergenciais. 

“Não podemos continuar com erros, eles precisam ser corrigidos. A Fundação Estadual de Saúde assume para concluir as obras, operar o sistema e deixar um legado. Esses hospitais de campanha serão muito importantes para a reabertura da economia, para gerar empregos e, principalmente, para ajudar no futuro com cirurgias eletivas” – afirmou o Governador.

Wilson Witzel declarou que pedirá à Justiça o bloqueio dos bens do Iabas para ressarcimento dos prejuízos que o Estado sofreu. Ainda em vídeo, alegou que a polícia e o Ministério Público com a colaboração do Governo do Estado já estão investigando aqueles que possam estar envolvidos em atos ilícitos e que os mesmo serão severamente punidos.

Nossa equipe questionou a Secretaria de Estado de Saúde (SES) sobre um possível adiamento da inauguração do Hospital de Campanha de Nova Friburgo, entretanto, não obtivemos resposta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *