Caixa Econômica Federal toma medidas para evitar aglomerações em suas agências

Desde que o Auxílio Emergencial foi liberado para as famílias de baixa renda no Brasil, aglomerações têm se formado em frente as agências da Caixa Econômica Federal. Por conta disso, o banco tem feito adaptações para evitar que pessoas se agrupem e por fim, se infectem de COVID-19.

Uma das alterações foi no horário de atendimento, que sofreu duas horas de antecipação. A partir de hoje, 04, as agências abrirão às 08h da manhã e fecharão às 14h da tarde.

Para reforçar ainda mais o atendimento, a Caixa Econômica anunciou na ultima sexta-feira, 01, um pacote de medidas adicionais em todo o Brasil:

• Realocação de mais de 3 mil funcionários para ampliar as equipes nas agências.

• Contratação de mais 2 mil vigilantes e 500 recepcionistas para orientação e atendimento ao público.

• Disponibilização de cinco caminhões-agência para atendimento em locais com maior necessidade.

O banco está em contato direto com as prefeituras, com objetivo de fechar parcerias para atendimento à população e divulgação de informações. A empresa ressalta a importância de ir as agências apenas usuários que precisam realizar serviços essenciais ou beneficiários que receberam o auxílio na poupança social digital e desejam fazer o saque em dinheiro.  

É necessário que a população se dirija às agências apenas em último caso. Para mais informações sobre o cadastro do auxílio emergencial, podem ser utilizados os seguintes meios: auxilio.caixa.gov.br, o app caixa | auxílio emergencial e a central telefônica exclusiva 111.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *