Pesquisa sobre doenças crônicas não transmissíveis será feita por telefone

A coleta de dados, feita pelo Ministério da Saúde, leva o nome de vigitel 2021 e tem como propósito conhecer a frequência de comportamentos de risco e as doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) no Brasil, como diabetes, cânceres, obesidade, doenças respiratórias e relacionadas ao coração. 

Nesse cenário pandêmico, o trabalho ganha destaque, pois irá investigar também questões sobre morbidade, internação e vacinação para a Covid-19. Além de perguntas sobre as doenças crônicas que são monitoradas desde sua primeira edição (2006), como diabetes, câncer, doenças cardiovasculares, além do tabagismo, alimentação não saudável, inatividade física e consumo de bebidas alcóolicas. 

Esse levantamento será feito por meio de uma ligação por telefone fixo, que dura em média, 12 minutos, para brasileiros que tenham mais de 18.

Por Isabella Chaboudt.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.