Com doadores em baixa e pacientes em alta, Hemocentro de Nova Friburgo sofre com baixo estoque de sangue

O Hemocentro Regional de Nova Friburgo é responsável pela coleta e abastecimento do banco de sangue da cidade e de outros 15 municípios da serra fluminense. Mas com a pandemia, o número de doações caiu e a quantidade de pessoas que necessitam do suprimento fez o movimento inverso, subindo significativamente.

“A demanda só aumentou, os pacientes de Covid também necessitam de transfusão de sangue, plasma e plaquetas; e com a diminuição dos doadores essa balança está cada vez mais desnivelada” – Disse a Dra Nicole Abreu, biomédica e atendente do hemocentro.

Segundo ela, a doação oscila muito, chegando a ter uma movimentação muito grande em uma semana e uma diminuição brusca na outra. Muitas vezes esse aumento no movimento se deve à campanhas de doação direcionadas a uma pessoa que esteja precisando de sangue.

E para conseguir equilibrar essa balança e fechar a conta entre quem doa e quem recebe, é preciso que mais pessoas tenham essa atitude de solidariedade, generosidade e amor ao próximo: a doação de sangue.

Para ajudar a virar esse jogo, basta ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50kg e não ter ingerido alimentos gordurosos 3 horas antes da doação, não é necessário estar de jejum. Quem teve quadro leve de Covid-19 pode doar 30 dias após a recuperação.

É necessário apresentar documento oficial com foto e menores de idade devem ir acompanhados de um responsável.

O Hemocentro de Nova Friburgo funciona de segunda a sexta-feira das 8h às 11:30h na Rua General Osório, nº 324, no prédio anexo ao Hospital Raul Sertã. Para agendar horário e doar o telefone é o (22)2523-8084.

Por Juan Victor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *