Economia: Governo Federal lança medidas para retomada de setores

Uma cerimônia foi feita ontem no Palácio do Planalto, juntamente com o presidente Jair Bolsonaro para o lançamento de um programa que prevê uma série de medidas para alavancar a retomada do emprego e da economia no país. Entre as medidas liberadas por meio de medidas provisórias e decreto está o saque extraordinário de parte do FGTS.

Segundo as informações do governo, a medida vai permitir a possibilidade dos trabalhadores titulares de conta vinculada efetuarem saques de até R$ 1.000 de suas contas. A liberação será feita de forma digital, por meio do aplicativo Caixa Tem, e começa a ser liberado em 20 de abril e vai até 15 de junho. A estimativa da caixa econômica é de que sejam sacados cerca de R$ 30 bilhões para, aproximadamente, 42 milhões de brasileiros.

Além dessa medida, um decreto foi sancionado autorizando a antecipação do pagamento do 13º salário aos beneficiários do INSS. A decisão também tem o objetivo de amenizar os reflexos econômicos causados pela Covid-19 durante o ano de 2021, que ainda repercutem em 2022.

Os impactos também levam uma medida do governo para a oferta de linha de crédito para empreendedores. Os empréstimos vão levar em conta a realidade social desses empreendedores e oferecer condições favoráveis, de acordo com a capacidade de pagamento. Para pessoas físicas, será liberado um crédito de até R$ 1.000 que vão ser pagos em até 24 parcelas, com taxa de juros a partir de 1,95% ao mês. O empréstimo será liberado mesmo para as pessoas que estão com restrição de crédito, os chamados negativados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.